Reajuste não cobre defasagem salarial
Com 4 anos de defasagem, Alckmin anuncia reajuste de 3,5%
Postado em : 04/01/2018



O reajuste no salário dos servidores públicos de São Paulo será de 3,5%. Esse foi o anúncio feito pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) na manhã desta quinta-feira, 04/01, em coletiva de imprensa realizada no Palácio dos Bandeirantes.

A adequação vale para todas as categorias do funcionalismo. No entanto, as polícias terão um aumento de 4% e os professores de 7%. 

Até o momento são 4 anos sem reajustes, nem para equiparar a perda da inflação anual - uma obrigação do Governo pois está previsto em lei. 

A medida foi encaminhado à Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo) para ser votada. A Assembleia volta aos trabalhos no dia 01/02. Independentemente da data em que for votada a matéria, o reajuste será retroativo ao primeiro dia do mês.

 

Com informações do UOL.


Reprodução/ESTADÃO CONTEÚDO



Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.