SINDCOP apoia "Outubro Rosa"

Postado em : 08/10/2018



Servidoras do sistema penitenciário paulista devem aproveitar a campanha “Outubro Rosa” para fazer o exame de mamografia como forma de prevenir o câncer de mama. Segundo o presidente do sindicato, Gilson Pimentel Barreto, a entidade apoia a campanha “Outubro Rosa” e faz um alerta para que as servidoras não descuidem de sua saúde.

“É sempre bom lembrar as servidoras que a prevenção pode salvar vidas. Temos informações de servidoras que tiveram a sorte de descobrir a doença a tempo e se curaram. Por isso, recomendamos que aproveitem a campanha e façam o exame”, afirmou o presidente.

A campanha “Outubro Rosa’, nasceu nos Estados Unidos e espalhou pelo mundo. No Brasil a campanha teve início em 2002.

O câncer de mama é um dos principais tipos de câncer que podem atingir a mulher. A doença ocorre por causa da multiplicação de células anormais no tecido mamário, formando um tumor maligno, inicialmente imperceptível, que pode aumentar e atingir outros locais do corpo.

Apesar de, nas fases iniciais, o câncer de mama não causar sintomas, o principal sinal que pode indicar a presença do tumor é a palpação de um nódulo endurecido, além de sintomas como dor, vermelhidão ou saída secreção pelos mamilos, por exemplo.

 O câncer de mama pode ter cura, entretanto isso varia de acordo com o tipo e com o estágio em que se encontra, por isso, é muito importante a realização da prevenção através do autoexame e da mamografia. 

O tratamento varia de acordo com a extensão do tumor, e costuma ser feito com tratamentos com cirurgia, quimioterapia e/ou radioterapia, imunoterapia, além de medicamentos para aliviar sintomas que podem surgir, como enjoo ou dor.

Principais sintomas

Nas fases mais iniciais, o câncer de mama pode não provocar sintomas. À medida que cresce e as células tumorais se multiplicam, alguns sintomas que podem surgir são:

Aparecimento de um nódulo duro na mama ou próximo da axila, que pode ser percebido através do toque e do autoexame da mama;

Saída de liquido pelo mamilo quando pressionado, podendo ser sangue;

Tamanho ou formato diferente das mamas, que antes não existia;

Ter a mama inchada, vermelha e quente e que causa coceira;

Ferida na mama que não cicatriza e tem mau cheiro.

Além disso, podem surgir nódulos na axila, já que os gânglios linfáticos destas duas regiões se comunicam.

Câncer de mama no homem

O câncer de mama também pode surgir no homem, embora seja muito raro, sendo que os sintomas são semelhantes ao câncer de mama nas mulheres e há maiores chances de cura, quando é descoberto precocemente.





Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.